REALIZADAS NA FACULTAD DE CIENCIAS EXACTAS Y NATURALES DE LA UBA A 39ª REUNIÃO DO CONSELHO DIRETOR E A 18ª ASSEMBLEIA GERAL DO CLAF.

      Nos dias 19 e 20 de setembro passado se realizaram a 39ª Reunião do Conselho Diretor e a 18ª Assembleia Geral do CLAF, respectivamente. Os ilustres Conselheiros e Representantes dos países membros se reuniram na Facultad de Ciencias Exactas y Naturales da Universidad de Buenos Aires.

       As reuniões magnas se realizaram no marco da 103ª Reunião da Asociación de Físicos de la Argentina, conclave onde foram homenageados os fundadores do Centro Latino Americano de Física como parte das celebrações pelo 55º Aniversário do CLAF.

       O CLAF ofereceu cordiais boas vindas à representação da República do Panamá por intermédio da Sra. Claudia Guerrero Monteza, Diretora de Cooperação Internacional da Secretaria Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação – SENACYT, quem participou na qualidade de Observadora na Assembleia Geral, por conta da intenção de seu país de afiliar-se à comunidade de países membros do CLAF.

       Além de apresentar um balanço do trabalho do último biênio em aspectos como a formação de recursos humanos, acordos e programas de desenvolvimento, finanças e contribuições dos países membros, foram discutidas a política científica, projetos de colaboração e integração para a região no novo período. Maiores informações podem ser encontradas nos relatórios correspondentes das reuniões através dos links:

http://www.claffisica.org.br/site/public/attachments/Docs39CD.pdf

http://www.claffisica.org.br/site/public/attachments/FinalAG18.pdf

 

     Dois aspectos tomaram particular interesse pela Assembleia Geral: a situação atual apresentada pelos países da região frente ao financiamento da ciência,  

 http://www.claffisica.org.br/news-item/pronunciamiento-de-la-18-asamblea-general-del-claf-frente-al-financiamiento-de-la-ciencia-en-la-regin;

e a importância da presença do CLAF na próxima reunião de Ministros de Ciência e Tecnologia, a ser realizada na Guatemala em novembro próximo, considerando esta como  cenário de vital exercício do Centro e dando continuidade coerente aos acordos anteriores nesse sentido.

     Foram feita as despedidas ao Dr. Oscar Reula, Argentina, Dra. María Sánchez, Cuba e especialmente à Dra. Lela Taliashvili, conselheira suplente da Costa Rica, com um merecido elogio por parte do Diretor do CLAF e todos os presentes ao culminar seu período de quatro anos de trabalho representando a seus países no Conselho Diretor.

 

    Com base na avaliação de novas propostas dos países membros para integrar o Conselho Diretor durante seu período de trabalho (2018-2022), foram eleitos conselheiros titulares e suplentes da Argentina, Brasil, Costa Rica, Cuba, México e Venezuela. Cordiais boas vindas se estende a todos eles: